O relacionamento do colaborador com o gerente e a equipe executiva define o tom do sucesso dentro da empresa. Pesquisas da Gallup (empresa de pesquisa de opinião dos Estados Unidos) mostram que 70% da motivação de um funcionário é influenciada por seu gerente. Então, como os gerentes podem melhorar?

Tudo se resume a habilidades de gerenciamento de pessoas de um gerente/ou líder. Um gerente com habilidades de gerenciamento de pessoas com conhecimento limitado pode ser prejudicial para um negócio. Isso leva os principais colaboradores a deixar a empresa após um curto período de tempo, clientes insatisfeitos e problemas não resolvidos. E isso é apenas o começo. Trabalhadores não-comprometidos e improdutivos custam às empresas milhões todos os anos. Eventualmente, esses trabalhadores simplesmente se retiram do negócio e o ciclo continua.

Neste artigo, você entenderá sobre as seis habilidades de gerenciamento de pessoas que todo gerente, incluindo o Líder de Projetos, precisa para ter sucesso em seu papel de promover uma equipe leal.

Conexão

Como gerente ou líder, sua presença no dia a dia deve ser sentida. Não se esconda em sua mesa e fale apenas com as pessoas quando quiser que algo seja feito. Saia e construa uma conexão com sua equipe. Conheça-os!

É comum ver em empresas onde a equipe de liderança raramente é vista ou ouvida, além de em constantes reuniões. Para o colaborador, eles podem parecer frios ou desconectados das operações do dia a dia. Há uma razão pela qual as pessoas dizem que as pessoas deixam os líderes, e não as empresas. Por isso, construa uma forte conexão com sua equipe e isso terá impacto na retenção de funcionários.

Empatia

Mostre empatia as pessoas que estão enfrentando problemas profissionais ou pessoais difíceis. Deixar um membro da equipe sair com horas de antecedência para buscar um ente querido no hospital, por exemplo, ajuda muito a desenvolver a empatia. Defenda seu time e defenda-o quando as coisas ficarem difíceis. Mostrar que você se importa e trabalhará para melhorar sua situação contribui muito para construir relacionamentos mais fortes.

Comunicação bidirecional

Os membros da sua equipe querem se manter informados sobre o negócio tanto quanto você, portanto, mantenha-os informados. Não permita que eles ouçam sobre grandes mudanças na reunião geral da empresa ou no bebedouro. Isso levanta questões sobre transparência na empresa que você não deseja ter.

É importante criar um ambiente em que a opinião de todos seja ouvida. Por mais que você queira, não envie uma caixa de sugestões ou instale um aplicativo de feedback no Slack e deixe por aí. Esses métodos são impessoais e dão a você a opção de ignorar os comentários.

Empoderamento

Capacitação significa dar aos colaboradores as ferramentas de que precisam para ter sucesso e, em seguida, sair do caminho deles. O microgerenciamento (prática marcada pelo controle excessivo) é uma pedra de alto desempenho.

Grandes gerentes dão aos membros da sua equipe o espaço de que precisam para atingir suas metas por mérito próprio. A quantidade certa de direção é a chave certa. Deve haver o suficiente para fornecer orientação, mas não tanto para criar obstáculos no processo.

Recompensa e reconhecimento

Não é preciso dizer que os colaboradores gostam de ser recompensados e reconhecidos por seu sucesso. Sempre recompense os membros de sua equipe por seu trabalho desenvolvido. Isso se aplica a mais do que apenas os de melhor desempenho; faça questão de reconhecer aqueles que estão melhorando e fazendo o melhor que podem.

Oportunidade e desenvolvimento profissional

A disposição de oferecer oportunidades de desenvolvimento e crescimento profissional é atraente para os de melhor desempenho. Isso está ligado a conhecer os membros da equipe, seus pontos fortes e fracos e recomendar maneiras de melhorar continuamente. Quer seja um curso on-line, financiamento para livros ou cursos de meio período, os funcionários devem sempre ter acesso a vários caminhos de auto-aperfeiçoamento.

A lealdade dos funcionários é um dos ativos mais valiosos que uma empresa possui. Funcionários leais são os embaixadores da marca mais barulhentos e, muitas vezes, vão além. Mas lembre-se, a lealdade é uma via de mão dupla.

Depois que um colaborador recebe o check-out, ele não se esforça mais, não toma medidas para resolver problemas e acabará tratando os clientes da mesma forma como foram tratados.

Um relacionamento ruim entre o líder e sua equipe prejudica a todos. Tire um tempo para reavaliar o relacionamento que você tem e centralizar suas habilidades de líder de projetos e gerenciamento de pessoas em torno do edifício do relacionamento. Um forte relacionamento com os membros de sua equipe é mostrado não apenas para aumentar a produtividade, mas também para ser um poderoso motivador.


_banner_LidLab

Pensando no desenvolvimento das lideranças nas agências, o Instituto Mestre GP em parceria com a LidLab, desenvolveu um programa focado na primeira liderança, ou seja, os profissionais com um ótimo desempenho técnico que são alçados a Líderes, mas não possuem preparo e estão diante de uma situação onde precisam pensar estrategicamente, liderar, inspirar, desenvolver uma equipe e apresentar resultados.

Acesse e conheça o programa completo!

Este artigo foi produzido com base no original, People Management Skills, no site Rise People.

Sobre o Autor

Jornalista do Instituto Mestre GP, formada pela Universidade São Judas Tadeu. Trabalha com comunicação há nove anos e atua com marketing digital e marketing de conteúdo.

Você também pode curtir

Deixe um comentário