Hoje, as pessoas nas organizações  são vistas como potenciais a serviço do propósito e metas da organização que, além de garantir condições básicas para criação de vínculo, outros aspectos vem surgindo: que apreciem seu trabalho e que estejam alinhados com os propósitos e valores da organização, que sintam orgulho de trabalhar para a organização e que saibam trabalhar em equipe.

Entendendo que ao falar do trabalho em equipe, precisamos entender que meu colega é um sistema dinâmico como eu. Então precisamos entender nossa forma de ouvir, tomar decisões, compartilhar informações. E para tanto, é necessário o uso das emoções para desenvolver a capacidade de empregar as informações emocionais para facilitar o pensamento e o raciocínio.

De acordo com Joseph Grenny, em parceria com a The Concours Group, realizou o estudo Silence Fails, apurou que 65% dos líderes de projetos apontam a falta de apoio real do superior como principal razão para falhas no projeto. Algumas vezes os patrocinadores acabam deixando os líderes dos projetos entrarem em batalhas políticas onde eles deveriam apenas auxiliá-los. 88% dos entrevistados também comentaram que esse tipo de comunicação é difícil, se não impossível.

Seguem 05 dicas para evitar falhas em seus projetos:

1) Otimismo exagerado

Excesso de otimismo atrapalha e distorce o planejamento. Criar expectativas falsas não ajuda, tampouco esperar sempre o pior. É preciso saber equilibrar expectativas de stakeholders e patrocinadores para conseguir cumprir entregas, além de fazer a gestão de riscos para mitigar o impacto no projeto.

2) Liderança inexperiente

O GP tem muita experiência técnica, mas pouca em liderança. É comum falhas como não ver conflitos na equipe, controle de qualidade ou falta de pulso. Sendo o exemplo e inspirando seus liderados, gerará motivação em toda a equipe.

3) Equipe inadequada

Os profissionais podem ser excelentes, mas não adequados para determinada função. Pense em uma política de redução de danos e aja o mais rápido possível, capacitando ou buscando outro profissional.

4) Relatórios insuficientes

É preciso estabelecer métricas que balizem o acompanhamento da equipe do projeto. Acompanhando constantemente é possível antever problemas.

5) Falta de apoio e de recursos

Quem decide mesmo são os membros da diretoria, que sem seu apoio, será difícil o projeto ser bem sucedido. Ao ficar atento aos interesses destes stakeholders, será possível prever cenários e antecipar crises.

Se segundo Daniel Goleman, inteligência emocional é a “… capacidade de identificar os nossos próprios sentimentos e os dos outros, de nos motivarmos e de gerir bem as emoções dentro de nós e nos nossos relacionamentos.”, segundo ele, a inteligência emocional é a maior responsável pelo sucesso ou insucesso dos indivíduos.

Então, sabemos que inteligência emocional – ou a falta dela – é a principal causa de falhas nos projetos.

(fonte de pesquisa: Project Builder)

Sobre o Autor

Gerente de Projetos PMO-CP certificada, Scrum Master, domina Lean, TaktPM, PMCanvas, MBA em Estratégias de Mercado, Lider do Comitê da Diversidade na TracyLocke e já foi sócia de uma agência de projetos digitais durante 08 anos.

Você também pode curtir

Deixe um comentário